A maior beleza das aves está na sua liberdade!
Muitas coisas o pássaro diria, se pudesse falar.
E a tua alma, criança, tremeria, vendo tanta aflição.
E a tua mão, tremendo, lhe abriria a porta da prisão...

Domingo, 12 de Fevereiro de 2012
Estrelas do mar

Certo dia, um escritor que costumava caminhar pela praia em busca de inspiração observou, ao longe, algo a se movimentar.
Continuou andando na direção daquela sombra até aproximar-se o bastante para perceber que se tratava de um homem.
Quando chegou mais perto notou que ele juntava as estrelas do mar, que haviam ficado presas na areia quente da praia, e as devolvia ao mar.
Só então ele se deu conta de que havia muitas estrelas do mar espalhadas pela praia.
Espantado disse ao homem: Você não percebe que há muitas estrelas do mar por aí? Seu esforço não vale a pena.
Mesmo que você trabalhe vários dias seguidos não conseguiria salvar todas elas. Então, que diferença faz?

O homem, que ainda não havia parado para lhe dar atenção, pegou uma estrela do mar, ergueu-a e, mostrando-a ao escritor disse: Para esta eu fiz diferença.
E, jogando-a ao mar, continuou sua empreitada.

O escritor observou aquele homem por mais alguns instantes e chegou à conclusão de que havia encontrado, naquele gesto simples e desinteressado de um anônimo, a

inspiração que buscava.
* * *
www.reflexao.com.br 


TAGS - temas do blog
(clique em cima):

publicado por LauraBM às 00:17
link do post | E custa, comentar neste blog?

Quinta-feira, 10 de Fevereiro de 2011
HISTÓRIA DE PESCADOR?

Um morador na região de Barra do Ribeiro/RS (60 Km da Capital  Porto Alegre) viu uma bola muito estranha dançando na água e foi  mais perto dar uma olhada.

       
Com surpresa viu um enorme bagre que  aparentemente tentou engolir uma bola de basquete de criança e  ficou com a mesma entalada na boca !

       
O peixe estava cansado  tentando mergulhar, mas era impossível porque a bola sempre  empurrava sua cabeça para a linha da água.

       
O morador tentou  inúmeras vezes tirar a bola, sem nenhum sucesso. Finalmente pediu  para sua esposa cortar a bola, para esvazia-la e libertar o enorme bagre!!

É impossível de acreditar ? Então veja as fotos....

 


TAGS - temas do blog
(clique em cima):

publicado por LauraBM às 13:54
link do post | E custa, comentar neste blog?

Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010
Migração de raias ou arraias

Migração de Arraias 

 procurando autoria da matéria

Que coisa mais linda!!!!
 
As arraias parecem folhas gigantes flutuando no mar, milhares delas são vistas aqui se reunindo no litoral de México. A cena espetacular foi capturada quando essas criaturas magníficas fizeram uma de suas migrações semestrais em massa para locais mais apropriados.
 
Deslizando  silenciosamente em baixo das ondas, elas transformaram áreas vastas de água azul em ouro no norte da Península de Yucatan. Sandra Critelli, uma fotógrafa  amadora, viu o fenômeno enquanto procurava por tubarões baleia.
 
Ela disse:  'Foi uma imagem inacreditável, muito difícil de descrever. A superfície da água foi coberta por vários tons de ouro que pareciam uma camada de folhas de outono movidas pelo vento.'
É difícil de dizer exatamente quantas arraias tinham, mas deveria ter milhares delas.'
'Nós fomos cercados por elas e nós também podíamos ver muitas na superfície de água. Eu tive muita sorte de estar la para poder presenciar o melhor que a natureza tem para oferecer.' 
Elas medem até 7ft (2,1 metros). As arraias douradas também são conhecidos como arraias de nariz de vaca.
Elas têm  barbatanas peitorais pontudas que se separam em dois lóbulos na frente de suas cabeças altas que fazem com que elas pareçam com uma vaca. Apesar de poder dar ferroadas venenosas, elas são tímidas e não ameaçam ninguem quando se reunem em grande quantidade.
A população do Golfo do México migra em quantidade de ate 10.000, que vai da Florida até Yucatan.

TAGS - temas do blog
(clique em cima):

publicado por LauraBM às 22:42
link do post | E custa, comentar neste blog?

Domingo, 10 de Fevereiro de 2008
Crocodilos de estimação

Crocodilos de estimação são a última moda nos emirados árabes
crocodilosnoquintal.jpgRAS AL KHAIMAH, 18 JAN 

- Para quem está cansado de bichos de estimação comuns e está procurando algo diferente pode  identificar-se com os habitantes de Ras al Khaimah, Emirados Árabes Unidos, onde basta um telefonema e um valor de 63 a 84 euros para ter em casa um filhote de crocodilo de 30 a 50 centímetros de comprimento. 
Segundo a Gulf News, os habitantes da cidade dos Emirados estão apaixonados pelos novos bichos de estimação. Os crocodilos chegam mais ou menos três dias depois do pedido e já se tornaram última moda, tanto que a quantidade de animais disponíveis para venda já se esgotou.
    "A demanda é altíssima, todos querem um para sua casa de campo", explica Abdullah Hamid, comerciante, acrescentando que os crocodilos chegam de alguns países africanos, principalmente do Egipto.
    Entretanto algumas pessoas já se mostram preocupadas com os animais que fogem das casas ou mesmo são abandonados por seus donos depois de um tempo. Prova disso foi o "alarme crocodilo solto na cidade" soado há alguns dias na região.
    O réptil foi capturado e levado a seu proprietário, Fahd Abdullah Jum'a que prometeu cuidar de seu animal com mais cuidado: "Tentarei também recriar seu habitat natural", acrescentou Jum'a explicando que colocou a disposição do animal alguns peixes, mas mesmo assim não conseguiu despertar o apetite do filhote de crocodilo.
    A nova moda corre o perigo de se tornar perigosa.

O crocodilo, adverte Saif al Gais, professor de biologia marinha, é carnívoro e as pessoas não podem pensar em criá-los até que cresçam. Em uma casa ou em uma fazenda, um crocodilo adulto pode se tornar muito perigoso para a vida dos proprietários e seus vizinhos.
    Um membro do ministério do Meio Ambiente disse que o comércio de crocodilos é ilegal a não ser que a pessoa tenha uma licença especial emitida pela Convenção Internacional do Comércio de Espécies em risco de extinção. (ANSA)
------------
18/01/2007


TAGS - temas do blog
(clique em cima):
,

publicado por LauraBM às 22:37
link do post | E custa, comentar neste blog?

Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007
Amor de tubarão

tubarao_amoroso.jpg(bem... vcs sabem como são as histórias de pescadores, não é? Pois... esta... não sei, não!)

 

História contada e documentada por um pescador profissional australiano.
Basicamente, o que se passou foi o seguinte:
Nas águas onde ele costumava pescar, encontrou um tubarão branco, fêmea, de 5 metros à beira da morte...
Ela estava presa e incapacitada de sair do local onde estava...
O pescador (com uma grande coragem, diga-se de passagem) decidiu salvar este enorme tubarão, desprendendo-o com a ajuda do seu barco e devolvendo-o à liberdade.
Só  que a história não ficou por aqui, agora o tubarão vê o pescador como um "amigo" e segue-o para todo o lado. Assim que ele pára o barco, ergue-se e só desiste quando ele lhe coça o pescoço...
E para isso já é precisa uma imensa dose de coragem!!!!!!!!

O pior é que o pescador desde que fez esta nova amiga, não consegue pescar mais...
Pois com uma companhia destas, os peixes, como vocês devem imaginar, assustam-se...
E quando ela quer brincar, atira-se contra o barco e com as barbatanas imensas desfaz o que apanha pela frente. Da última brincadeira ele quase teve que refazer a cabine de pilotagem...
---------------
19/01/2007
Henrique Furtado


TAGS - temas do blog
(clique em cima):

publicado por LauraBM às 01:21
link do post | E custa, comentar neste blog? | Veja o que os outros disseram (3)

Domingo, 5 de Fevereiro de 2006
Eu e o pinguim

Angela_pinguim.jpg- Oi, amiguinho... Você não é um Pinguim? O que está fazendo, sozinho, numa praia do Rio de Janeiro?
- Algumas vezes, sou levado por correntes marinhas e acabo conhecendo pessoas e lugares novos.
- Confesso que estou com medo... Você morde?
- Só quando ameaçado. Eu me alimento de peixes, camarões e polvos.
Não fique preocupada, você não corre risco algum.
- É um prazer conhecê-lo pessoalmente! Você é mesmo uma gracinha!
Não sabia que era coberto de penas...
- Na verdade, eu sou um pássaro. Tenho mais penas do que a maioria deles. Sou coberto de penas macias por baixo e de penas externas sobrepostas, o que mantém o calor do meu corpo em lugares muito frios.
Tenho uma glândula, que produz um óleo lubrificante para impermeabilizar as penas e conservar minha pele seca.
Como outras aves marinhas, também temos glândulas que ajudam a livrar nosso corpo do excesso de sal. Estas glândulas são eficazes e permitem que bebamos água do mar sem qualquer efeito nocivo.
- Fantástico!!! Nunca iria imaginar uma coisa dessas...
- Tem mais: a minha camuflagem...
As penas pretas das minhas costas misturam-se à escuridão das profundezas do oceano e impedem que eu seja visto por algum predador acima de mim. E as penas claras do peito e da barriga confundem-se com a superfície clara do mar quando me olham por baixo. Isso evita que meu corpo seja visto por meus inimigos.
As penas escuras das costas, além de protecção contra ameaças, auxiliam a absorver o calor do sol, aumentando a temperatura do meu corpo.
O sistema circulatório dos pinguins se ajusta para conservar ou liberar o calor do corpo, e assim manter uma temperatura estável, necessária à nossa sobrevivência.
Quando vivemos em climas mais frios, temos a tendência a ter mais penas e maior densidade de gordura do que os que vivem em climas mais mornos.
- A Natureza é sábia, né? Você é uma criatura bem interessante.
Conte-me mais sobre sua vida...
- Modéstia à parte, nadamos muito bem. Voamos debaixo da água. Passamos a maior parte de nosso tempo no mar. Nossos corpos são apropriados para uma natação eficiente, com uma velocidade média na água de, aproximadamente, 15 milhas por hora.
O corpo do pinguim tem forma aerodinâmica, adequada à natação. Um pinguim tem cabeça grande, um bico comprido, uma garganta curta e grossa, um corpo alongado, uma cauda curta e asas diferentes. Temos "pés de pato", apropriados para ganhar impulso dentro da água e para andar na terra.
- A sua voz parece um latido... Se eu contar, ninguém vai acreditar em mim... rsss. Você é muito fofo! Como é a sua família? Será que são simpáticos como você?
- Posso tocar em você, enquanto conta sobre sua espécie?
- Claro!!! Gosto muito de gente. Nós, os pinguins, somos muito sociáveis.
Normalmente, vivemos em grupos bem grandes.
Apesar da grande população de pinguins, nossas fêmeas colocam apenas um ovo. O período de incubação é de cinco a seis semanas. Os machos se revezam com as fêmeas na caça de alimentos, para que um possa dar sempre protecção ao ovo.
Valorizamos muito nossas famílias.
Hoje, são reconhecidas dezassete espécies de pinguins no mundo, cada uma com características marcantes.
Nosso Habitat é o hemisfério do sul (sul do equador), nos climas que variam dos trópicos mornos às geleiras da Antárctida.
- Como conseguem viver em locais tão frios?
Como as baleias, temos uma camada de gordura sob nossa pele chamada, apropriadamente, de "gordura de baleia", que nos aquece. Ela mantém isolamento térmico na água fria, mas, não é bastante para manter a temperatura de corpo estável no mar por muito tempo. Os pinguins precisam permanecer activos, quando estão na água, para gerar calor ao corpo.
- Você sabia que, uma vez por ano, substituímos as penas velhas por novas?
A pena nova vai crescendo debaixo da velha, deslocando-a para fora. Quando a nova está crescida, a velha cai.
Durante a muda de penas, perdemos nossa protecção de isolamento térmico e impermeabilidade e, por isso, somos obrigados a permanecer fora da água até que as penas sejam totalmente substituídas.
Uma camada de gordura, acumulada na época de muda, garante-nos energia, até que possamos entrar na água novamente em busca de comida.
- Já descansei, tomei emprestado o seu tempo e, agora,  preciso ir andando... Minha PINGUIM está esperando por mim na próxima praia.
- Peraí! Deixa eu prender meu cabelo, que eu quero lhe dar um abraço bem apertado...
Desejo que encontre logo a sua PINGUIM e façam, juntos, lindos passeios por nossas praias. Tudo de bom prá você, amiguinho!
Espero que a gente volte a se ver...
- Tchau, tchau, pinguinzinho! Não vou esquecer você!
- ATÉ UM DIA, ANGELA!!!
---------------------------
Angela Moura
Foto: Angela Moura
www.angelamoura.com
©1976
Búzios - Rio de Janeiro - BRASIL


TAGS - temas do blog
(clique em cima):

publicado por LauraBM às 00:14
link do post | E custa, comentar neste blog?

Algo mais sobre mim
TAGS - temas do blog
(clique em cima)

00-especial

000-homenagens

01-animais do ar

02-animais do mar

03-animais da terra

04-eles são assim

04-fábulas

05-animais de amigos

06-saúde animal

07-artigos divertidos

08-pense nisto

09-poemas outros

10-crónicas-laura

10-poemas-laura

11-ternuras e piadas

12-datas especiais

12-natal

todas as tags

Meter o nariz no blog...
 
subscrever feeds
Novidades no blog

Estrelas do mar

HISTÓRIA DE PESCADOR?

Migração de raias ou arra...

Crocodilos de estimação

Amor de tubarão

Eu e o pinguim

Antiguidades óptimas
Também gostará de:

10 blogs para conhecer no...

Sua presença basta

Poema - Mais vale guardar...

Links especiais:
Fazer olhinhos